set 29, 2023 | Sem categoria | 0 Comentários

Cidades Invisíveis chega ao Rio Grande do Sul com evento em Canela 

Experiência inédita para empresários, influenciadores e artistas marca parceria com patrocínio de Kempinski Laje de Pedra Hotel e arrecada fundos para as ações de impacto social

Empresários, influenciadores e artistas se reúnem a convite do Cidades Invisíveis e do Kempinski Laje de Pedra Hotel & Residences para uma ação que marca a chegada da organização no Rio Grande do Sul. A programação de dois dias e exclusiva, é oferecida a 25 celebridades e empresários brasileiros no cenário de belas paisagens dos Campos de Cima da Serra, na Serra Gaúcha – um dos destinos mais procurados no Brasil. A iniciativa conta com o patrocínio e apoio da Tailor Partners e tem por objetivo arrecadar fundos para ações sociais. O Centro Social Padre Franco é o parceiro do Cidades Invisíveis na região e deve ser impactado com atividades nas comunidades locais.

O evento promove momentos únicos de imersão na alta gastronomia, bem-estar e conexão com uma natureza singular. Trilha, cavalgada, passeio de helicóptero, degustação de vinhos, experiências gastronômicas com a culinária local fazem parte do roteiro exclusivo para convidados de SP, ES, RJ, SC e RS, além de Miami, Estados Unidos, e membro da família real italiana. Entre os influenciadores e artistas estão Malvino Salvador e esposa Kyra Gracie, Priscila Sol, Julia Faria, Lisandra Cortez e Tina Calamba. A arrecadação de  R$250 mil será revertida integralmente para as ações desenvolvidas pela organização.

Essa é a segunda experiência oferecida pelo Cidades Invisíveis,  a primeira ocorreu em maio deste ano no Rio de Janeiro. O Instituto, que começou em 2012 e virou marca em 2014, foi criado para proporcionar oportunidades a pessoas em situação de vulnerabilidade. Segundo Samuel dos Santos, idealizador do Cidades Invisíveis, atividades assim representam uma maneira de sustentar e fortalecer a organização cujo objetivo é abordar questões sociais de maneira inclusiva e criativa, implementando iniciativas de impacto e transformação social com o intuito de diminuir as desigualdades e promover o empoderamento de indivíduos e comunidades. 

Além de ações próprias e em parceria com instituições e projetos, o Cidades Invisíveis atua em diferentes formas de impacto social a curto, médio e longo prazo. Está presente atualmente em Santa Catarina, Espírito Santo, Rio de Janeiro e São Paulo, destinando quase R$ 6 milhões a projetos sociais nos onze anos de atuação em território nacional e parcerias internacionais. A organização está alinhada com a Agenda 2030 da ONU, com o plano global de transformar o mundo em um lugar melhor, sendo também signatário do Movimento Nacional dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável de Santa Catarina (ODS/SC), para combater a invisibilidade de pessoas das periferias das cidades onde atua. Dentro de seus Bonsais, espaços do projeto nas comunidades, dispõe de programas que possibilitam o acesso ao conhecimento, aconselhamento, novas tecnologias, cuidados básicos, lazer, cultura, entre outros, para a aceleração de potenciais humanos que, muitas vezes, estão desassistidos pelo poder público. Além disso, o Cidades Invisíveis é uma marca de impacto social, com loja própria onde realiza collabs com artistas e desenvolve pelo menos duas coleções de moda todos os anos. Pessoas interessadas em impactar socialmente podem participar do Programa Sócio-Voluntário, assim como as empresas através do Programa Empresa-Voluntária.

O Centro Social Padre Franco, a principal instituição social de Canela, que conta com o apoio do Instituto Cultural Laje de Pedra, é o parceiro social local do Cidades Invisíveis e será beneficiado com projetos como arte, cultura e oficinas em diferentes necessidades (ex. informática, reforço escolar, estética). A parceria, que coloca o Rio Grande do Sul no mapa do Cidades Invisíveis, tem tudo para ser duradoura e de grande retorno social. O local atende crianças no contraturno escolar, com aulas de música, pintura, dança, arte circense, informática, espanhol, dentre outras atividades.

O Kempinski Laje de Pedra Hotel & Residences, em Canela (RS), marca o pioneirismo da rede mais tradicional da Europa na América do Sul em parceria com a LDP Canela S/A. Com a previsão de receber os primeiros hóspedes em 2026, o local já conta com galerias de arte, espaços imersivos, restaurante e infraestrutura convidativa a fim de promover novos diálogos relacionados à cultura local e vivências com a natureza exuberante. Além disso, apoia iniciativas como essa, que fortalecem o espírito de solidariedade e proporcionam oportunidades para uma compreensão mais profunda do impacto positivo que pode ser gerado na sociedade.

RELACIONADAS

NOTÍCIAS