jul 19, 2022 | Clientes, Release | 0 Comentários

Em nova campanha, Skol mostra que o brasileiro pode discordar de tudo, menos de uma Skolzinha de garrafa

Mais barata, sustentável e com o sabor único de cerveja de garrafa, a Skol retornável mostra porque é consenso para muitos brasileiros

Por qual lado começar a comer a coxinha? Dividir a conta igual ou cada um pagar o seu? Arroz por cima ou por baixo do feijão? Bons dilemas não faltam em uma discussão entre amigos. Mas, se cada lado tem seu argumento, quando o assunto é Skol Retornável, o papo muda.

Nas redes sociais, cada vez mais brasileiros defendem ter as garrafinhas de Skol na mesa do bar ou, até mesmo, em casa com os amigos. Por serem leves e saborosas, gerar menos lixo e, ainda por cima, o consumidor só ter que pagar pelo líquido, essa escolha acaba sendo consenso entre a galera: é uma escolha inteligente.  

Criado pela agência GUT, o filme que mostra amigos e amigas debatendo esses dilemas chegou à TV aberta na última semana. Assista ao vídeo aqui: www.youtube.com/watch?v=HKGzbcymO0M&feature=youtu.be. A estratégia de comunicação também contempla mídia digital e traz, ainda, um outro filme com foco nas mensagens de custo benefício: www.youtube.com/watch?v=H7ibu4b00I0

 “Skol Retornável tem conquistado o coração dos brasileiros com o sabor que só a cerveja de garrafa tem e ainda com a possibilidade de pagar só pelo líquido. O fato de gerar menos lixo também tem sido muito bem recebido pelas pessoas. Dessa forma, há cada vez mais consenso sobre ser uma escolha inteligente para qualquer rolê”, conta Oliver Klingelhoefer, diretor de Marketing de Skol.

“Brasileiro ama debater com uma gelada na mão. Aliás, a galera gosta mais de debater do que de entrar em consenso. A não ser quando o assunto é a cerveja retornável, queridinha do Brasil e das redes sociais. Nada mais justo então que a unânime retornável seja o combustível oficial dos mais esdrúxulos debates sem solução”, argumenta Rainor Marinho, diretor de Criação da GUT.

Dilema nas redes

Mas até no consenso existe um dilema. Se o sabor e o custo são indiscutíveis, tem um único tema que não é unânime entre os amantes da retornável: como chamar a Skolzinha. Tem gente que chama de litrinho, buchudinha, pitiquinha e centenas de outros nomes…

Então, para engajar os consumidores nas redes sociais, a Skol usou o humor mais uma vez e “contratou” dois times de especialistas em dar nomes para resolver esse impasse. Os ex-agentes de operação x as nomeadoras de esmaltes. Conhecidos nas redes por dar nomes criativos e engraçados, esse time fez um verdadeiro brainstorming para chegar aos melhores nomes para a Skol Retornável. E as opções sugeridas pelos times e que foram à júri do público foram: “gole de milhões” e “vai-volta”. A enquete esteve disponível no Instagram oficial da marca até o dia 07/07 e teve como vencedor o nome Gole de Milhões.  

E quem quiser entrar na onda dessa unanimidade é só fazer o seu pedido pelo app do Zé Delivery, selecionar a opção “apenas o líquido” ou encontrar um ponto de troca mais perto de sua casa e levar a sua Skolzinha Retornável vazia para trocar por uma cheia no precinho. 

Para saber mais sobre a Skol retornável, acesse: https://www.ambev.com.br/retornavel/

RELACIONADAS

NOTÍCIAS